• Galeria de Vídeos

"A questão fundamental da Turquia é fortalecer ainda mais a economia"

O primeiro-ministro Binali Yıldırım disse que o terrorismo não é mais a questão principal da Turquia e que a questão principal é fortalecer ainda mais a economia.

"A questão fundamental da Turquia é fortalecer ainda mais a economia"

Binali Yıldırım falou na Cúpula da Indústria e Tecnologia organizada na Universidade Técnica de Kocaeli Gebze.

Yıldırım, no seu discurso, salientou que a Turquia teve êxitos importantes na luta contra o terrorismo na Síria e acrescentou:

"Não é fácil garantir estabilidade, segurança e acabar com o terrorismo na Síria. A Turquia fez isso. Nós não podemos nos isolar do destino da área. A Turquia e seus países vizinhos precisam ser países que decidirão o futuro da região."

Yıldırım disse que a Turquia continua a se desenvolver superando, um a um, os obstáculos que enfrentam, apesar da guerra e das incertezas vivenciadas em torno dela e que estavam mais focados para produzir e crescer.

O primeiro-ministro Yıldırım abordou a importância do desenvolvimento de produtos tecnológicos e acrescentou:

"Todo mundo faz produtos que não exigem tecnologia. Países que não conseguem acessar informações permanecem fora da competição. A informação é a força. Já os países que têm, usam e produzem informações aumenta o espaço entre eles e outros países. Países que não conseguem acessar informações permanecem fora da competição".

Em seu discurso Yıldırım abordou a concorrência econômica entre os EUA e a China e que os dois países trazem impostos adicionais uns aos outros e isso teve influências globais.

Yıldırım disse que a Turquia em 2017 bateu um crescimento recorde de 7,4% e que eles não levam a sério as avaliações errôneas feitas por algumas agências de rating de crédito por razões recordes.

O primeiro-ministro Yıldırım enfatizou que a Turquia permanece firme e acrescentou: "O terrorismo não é mais a questão principal. Nossa primeira questão é crescer nossa economia".
 



Notícias relacionadas