Áustria declara fechar 7 mesquitas

O primeiro-ministro austríaco deixou claro que a decisão foi tomada após o interrogatório contra homens religiosos no país

Áustria declara fechar 7 mesquitas

Kurz, anunciou que vão fechar 7 mesquitas e expulsar alguns imames que recebem o salário de outros países.

Kurz revelou que a decisão foi tomada após o interrogatório de religiosos no país.

"As comunidades paralelas, o islamismo político e o radicalismo não têm lugar no nosso país", disse.

Kurz, anteriormente, disse que o Município de Viena do Partido Social Democrata da Áustria (SPÖ) deveria ser mais rígido em questões de ajuda estatal que são enviadas para as associações muçulmanas.



Notícias relacionadas