Combates no Iêmen deixam pelo menos 234 mortos

O porta-voz do Comitê Internacional da Cruz Vermelha, Adnan Hizam, informou que mais de 400 pessoas ficaram feridas nos conflitos entre os Houthis e os adeptos de Ali Abdullah Saleh.

Combates no Iêmen deixam pelo menos 234 mortos

Pelo menos 234 pessoas morreram nos últimos quatro dias em conflitos entre Houthis e apoiantes do ex-presidente iemenita Ali Abdullah Saleh, morto na segunda-feira pelo Houthis, na capital Sanaa.

O porta-voz do Comitê Internacional da Cruz Vermelha, Adnan Hizam, informou que mais de 400 pessoas ficaram feridas nos conflitos.

O porta-voz, que indica que prevalece o silêncio nas regiões onde ocorrem conflitos, convocou as facções para proteger civis e separar os civis dos conflitos.

Foram perpetrados conflitos entre as duas partes nos bairros a oeste de Sanaa depois que os Houthis tentaram ocupar a Mesquita de Al Saleh sob o controle das forças leais de Saleh, e então os Houthis ocuparam a mesquita.

Saleh convocou o sábado passado as forças leais a ele e o povo iemenita para se rebelar contra os Houthis.


Etiquetas: Iêmen

Notícias relacionadas