"Os países que apoiam o terrorismo são responsáveis pela situação em Guta Oriental"

O porta-voz do Kremlin falou sobre a trágica situação em Guta Oriental, Síria

"Os países que apoiam o terrorismo são responsáveis pela situação em Guta Oriental"

O porta-voz do Kremlin, Dimitriy Peskov, disse que os países que apoiam o terrorismo são os responsáveis ​​pelos acontecimentos trágicos em Guta Oriental que estão sob o cerco do regime de Assad na Síria.

Peskov respondeu às perguntas da imprensa sobre as acusações contra Moscou sobre as perdas mortais em Guta Oriental.

"Aqueles que apóiam o terrorismo na área são os responsáveis ​​pela situação em Guta Oriental. Rússia, Síria e Irã não são contados entre esses países, pois esses três países mostram uma luta implacável contra os terroristas na Síria", explicou.

Outra questão dirigida a Peskov era se a Rússia apoiaria o projeto de resolução que a Suécia e o Kuwait apresentaram ao Conselho de Segurança da ONU e que prevê um cessar-fogo de 30 dias na Síria, a fim de enviar ajuda humanitária.

"No momento, não posso responder a esta pergunta. Nossa missão diplomática em Nova York está tratando desse assunto. É melhor que você faça esta pergunta ao Ministério dos Negócios Estrangeiros".

Espera-se que o projeto de resolução seja abordado hoje, dia 22.



Notícias relacionadas