O contexto económico da Turquia em 2 017

Economia Política, um programa do Prof. Dr. Erdal Tanas Karagol.

O contexto económico da Turquia em 2 017

2 017 foi um ano relativamente positivo para a economia mundial, e em que ocorreram desenvolvimentos importantes para a Turquia e a para o mundo. Será por isso bom recordar o que se passou na economia da Turquia no ano passado.

Em primeiro lugar, a economia turca teve um excelente desempenho e alcançou uma recuperação significativa em 2 017, depois da traiçoeira tentativa de golpe de estado em 2 016. Podemos constatar isto mesmo nos números do crescimento e nas taxas de emprego alcançadas no mercado laboral, bem como nos números das exportações.

A economia turca é neste momento a que mais cresce entre os países do G20 e da OCDE, tendo alcançado uma taxa de crescimento de 11,1% no terceiro trimestre de 2 017. O crescimento médio de 7,4% nos primeiros nove meses do ano, é a prova de que o rápido crescimento não se cinge apenas ao 3º trimestre, mas que se trata de algo comum a todo o ano.

As previsões económicas para a Turquia, feitas em 2 017 para o período seguinte entre 2 018 e 2 020 - que constam do Programa de Médio Prazo (MTP) – apontavam para um crescimento de 5,5% no ano passado. No entanto, e tal como indicam os 3 primeiros trimestres de 2 017, a taxa anual de crescimento do ano que agora acabou será bem acima deste número, depois de serem conhecidos os números relativos ao crescimento do 4º trimestre. As novas previsões apontam agora para um crescimento entre os 6,5 e os 7,5%, para o total do ano de 2 017.

Por outro lado, e quando olhamos para os efeitos do crescimento no mercado de trabalho, verificamos que 2 017 foi uma história de sucesso em termos de emprego. Segundo os últimos dados referentes ao mês de setembro, foram criados 1 milhão e 233 mil novos postos de trabalho na Turquia em 2 017. Isto mostra-nos que o crescimento económico de 11,1% se estendeu também à base da população e que se verifica um crescimento inclusivo, que afeta todos os estratos da sociedade.

A maior razão por detrás deste sucesso no emprego, é sem dúvida a mobilização para o emprego, que foi anunciada no começo de 2 017. Os incentivos dados aos empregadores no âmbito da mobilização para o emprego, criaram as fundações para que fossem possíveis estes números, com a participação de mais de um milhão de pessoas no mercado de trabalho.

No entanto, e apesar de terem sido alcançados grandes sucessos ao nível da taxa de emprego, o mesmo não se passa com a taxa de desemprego. Um dos principais motivos para esta situação, é o crescimento da taxa de participação na força de trabalho.

O facto da taxa de participação na força de trabalho estar a aumentar ao mesmo tempo que aumentam os números do emprego, aponta para que a redução da taxa de desemprego para apenas um dígito ainda deverá demorar algum tempo.

2 017 foi também um ano importante em termos de exportações, o motor do desenvolvimento. O volume das exportações da Turquia chegou aos 158 mil milhões de dólares no final de 2 017 – de acordo com a previsão do Plano de Médio Prazo – um valor bem acima dos 142 mil milhões registados no ano anterior.

Outra questão importante para a economia em 2 017, foi a inflação. A inflação chegou aos 12,98% em novembro e passou uma boa parte do ano nos dois dígitos. No entanto, deve ser sublinhado que estes níveis de inflação não foram motivados apenas pelas dinâmicas internas da economia. Os efeitos económicos globais como a subida dos preços da comida e do petróleo, a par das flutuações das taxas de câmbio, estiveram na base da inflação de dois dígitos.

Por outro lado, e quando olhamos para o rácio do défice orçamental face ao PIB, e apesar deste ter subido ligeiramente em relação ao ano anterior, ainda se mantém abaixo dos 3%, tal como definido nos critérios de Maastricht. Da mesma forma, o rácio da dívida pública face ao PIB foi de 28,5%, o que revela um forte desempenho tendo como referência os critérios de Maastricht, que permitem um rácio até 60%.

Por último, gostaria de desejar um ano de 2 018 bem sucedido como foi 2 017, em que a Turquia atingiu os seus objetivos de crescimento de forma sustentável e inclusiva.



Notícias relacionadas