Equipa da TRT World detida em Myanmar, chegou à Turquia sã e salva

Mok Choy Lin e Aung Naing Soe ficaram detidos em Myanmar durante dois meses.

Equipa da TRT World detida em Myanmar, chegou à Turquia sã e salva

Mok Choy e Aung Naing Soe ficaram detidos em Myanmar durante dois meses. Ambos pertenciam a uma equipa da TRT World composta por 4 pessoas, que foi detida por tirar fotografias com um drone sem autorização.

Choy Lin e Soe chegaram a Istambul num voo regular da Turkish Airlines, depois de uma escala em Singapura. Os membros da equipa foram recebidos com flores por funcionários da TRT World no Aeroporto Ataturk em Istambul.

Choy Lin disse que as duas primeiras duas semanas de detenção em particular foram muito difíceis. Durante estas duas semanas, os jornalistas ficaram isolados numa cela, sem ver ninguém.

“Depois da detenção, perguntámos se podíamos contactar com a embaixada, e se podíamos ter um advogado. Mas ninguém nos ligou nenhuma. Não conseguimos falar com ninguém. E também não pudemos falar com ninguém no dia 10 de outubro, quando tivemos a nossa audiência”.

Choy Lin disse também que não perceberam nada durante a audiência, pois tudo foi dito no idioma local. Lin disse estar muito feliz por estar na Turquia.

Soe, por seu turno, disse que sabia que estavam presos pelo uso de um drone, mas que esse não era o verdadeiro motivo da sua detenção. Disse também que passaram por certas situações negativas, pelo facto da TRT World ser um canal turco.

“A minha missão como tradutor, foi garantir ajuda. Mas disseram que eu era um terrorista. Sou muçulmano, mas isto ali tem um impacto negativo. Não sabemos qual foi o motivo exato da nossa detenção. Não há consistência nesta situação”.



Notícias relacionadas